#FITOCONTROL

FIT
SLIM

Suplemento de óleo de cártamo, coco, chia, vitamina E e picolinato de cromo em cápsulas.

FITSLIM

Benefícios

Sua formulação contém lipídios como ácido palmítico, ácido láurico, ácido miristico, ácido oléico, ácido linoléico e ácido linolenico, além de vitamina E e picolinato de cromo, os quais combinados facilitam a transformação da gordura em energia, além de melhorar o rendimento físico durante o treino.

Informação
Nutricional

Não contém quantidades significativas de carboidratos, gorduras e fibra alimentar.
0 kcal
Energia
0 g
Proteínas
0 %
Vitamina E*
0 %
Cromo*
Quantidade referente a porção de 4 cápsulas.
*Índice diário recomendado.

Como funciona?

Através da ação do óleo de cártamo, FitSlim age no organismo inibindo as enzimas lipogênicas, aquelas que estocam a gordura no corpo. Ao inibir essas enzimas, os ácidos graxos presentes em FitSlim obrigam o corpo a utilizar a reserva de gordura que está no tecido adiposo para obter energia.

Aliado ao cártamo, o óleo de coco potencializa a ação de FitSlim. Sua diferença em relação a outras gorduras saturadas, principalmente por possuir uma maior quantidade de triglicerídeos de cadeia média (TCM), faz com que ele seja rapidamente absorvido pelo intestino, mesmo sem sofrer a ação de enzimas digestivas no pâncreas. Isso faz com que sejam uma rápida fonte de energia para quem pratica exercícios físicos e necessita de uma resposta rápida do corpo.

Além disso, a chia e a vitamina E são poderosos antioxidantes que atuam em conjunto para proteger a musculatura da ação dos radicais livres, que se encontram em grande quantidade após o exercício físico, promovendo recuperação muscular e aumento de massa magra.

 

O cromo, por sua vez, atua no metabolismo lipídico e no favorecimento da via anabólica.

Esse mineral auxilia para aumentar as concentrações de lipoproteínas de alta densidade (HDL) e a redução do colesterol total e de lipoproteínas de baixa densidade (LDL, VLDL), por meio do aumento da atividade da enzima lipase de lipoproteínas em indivíduos com dislipidemias. A diminuição da concentração plasmática de colesterol induzida pelo cromo está relacionada ao fato desse mineral promover a inibição da enzima hepática hidroximetilglutaril-CoA redutase, causando, desse modo, efeito hipolipemiante.

Em relação ao anabolismo, o aumento da sensibilidade à insulina promovido pelo cromo, estimula a captação de aminoácidos e a síntese protéica, aumentando a resposta metabólica adaptativa decorrente do próprio treinamento, além, é claro, em relação a ocorrência de deficiência orgânica.